Ética: além das palavras, há os atos

O percurso ético da Egis se inscreve nos valores e ambições de seus acionistas. Ela constitui uma base comum junto à Egis. Todas as sociedades da Egis compartilham esses valores que estão no centro de sua cultura de empresa.

Além de cumprir as leis e regulamentos em vigor nos países onde a Egis opera, o Grupo definiu regras de comportamento aplicáveis a todos. O respeito aos nossos valores em nossas práticas comerciai é uma preocupação constante.

A política de ética da Egis está estruturada em torno de três documentos principais:

  • Um código de deontologia, em vigor há mais de 15 anos, em que os valores do grupo em termos de ética são definidos. Organizada em quatro temas (oferecendo o melhor serviço aos nossos clientes, aplicando os princípios de uma vida coletiva equilibrada e frutífera, comunicando-se sob a mesma bandeira, ajudando a tornar um mundo responsável), esta carta especifica os princípios a serem respeitados em termos de qualidade, lealdade, probidade, respeito pelos funcionários e desenvolvimento sustentável. Ela está disponível para todos, com versões em francês, inglêsespanholromeno, português e polonês.
     
  • Um Código de integridade, que possui como objeto especificar as regras maiores que a Egis oferece sobre as questões de integridade e de ética dos negócios. Ele fixa as regras de comportamento que a Egis espera de cada um de seus colaboradores sobre os temas da prevenção da corrupção, do respeito da concorrência, dos conflitos de interesse, da integridade em nossas missões e de transparência financeira. Os colaboradores se comprometem a respeitar esses princípios e têm o dever de alertar, em caso de violação observada." Esses documentos estão disponíveis nas versões em idiomas francês, inglêsespanholportuguêsromenopolonêsárabe e hindu.
     
  • Um Código de integridade dos parceiros, que descreve os valores que a Egis deseja partilhar com seus parceiros comerciais e as regras às quais eles aceitam entrar em integridade, colaborando com a Egis sobre os projetos e serviços relacionados. Esse Código se aplica aos subcontratantes e fornecedores da Egis, bem como aos agentes comerciais, seus consultores e seus representantes. Do mesmo modo, ele se aplica aos contratantes da Egis junto aos grupos provisórios. Ele trata da prevenção da corrupção e do respeito da livre concorrência, bem como da integridade pessoal, dos conflitos de interesses, da confidencialidade e da comunicação e da responsabilidade social e ambiental. Os parceiros da Egis formalizam seu compromisso em respeitar essas regras de integridade assinando um compromisso ético. Esse documento está disponível nas versões em idiomas francês, inglês, espanhol e português.

Para garantir a integração em sua estratégia e seu funcionamento, a Egis implementou uma organização específica encarregada de promover e reforçar uma cultura de integridade e de desenvolver seu capital ético.

Assim, o diretor "Ético e de integridade" elabora e introduz, sob a supervisão de um comitê de controle específica, a política de integridade em seus componentes diferentes: análise de risco, procedimentos, formações, controles.

Para isso, ele se apoia em uma rede de correspondentes Éticos. Verdadeiros embaixadores da ética junto às filiais, eles são formados para os riscos relacionados à ética comercial.

Por fim, o comitê de ética supervisiona a implementação da política de ética em todo o Grupo; mais alta instância de decisão nesta área, é o que garante o cumprimento dos princípios éticos da Egis.

Direitos humanos e condições de trabalho: vão além das leis e regulamentos em vigor.

Direitos humanos

O respeito pelos direitos humanos é um dos fundamentos buscados em todos os níveis do Grupo Egis. Nossa vocação é, de fato, contribuir para a melhoria das condições de vida e do nível de equipamento dos territórios.

As sociedades do grupo Egis e seus colaboradores devem respeitar as leis e regulamentos aplicáveis em todos os países onde exercem suas atividades. Cada colaborador deve se abster de qualquer comportamento que possa envolver a si próprio ou a terceiros, sua empresa ou o grupo Egis em uma prática ilegal ou injusta.

Condições de trabalho

As competências e a motivação dos funcionários são motores da performance do grupo. Vários dispositivos garantem os direito dos funcionários, principalmente centrados no direito do trabalho, nas condições de trabalho, na igualdade das chances, na mobilidade profissional.

Ao aderir em 2011 aos 10 princípios do Pacto Global, a Egis deseja avançar esses princípios em suas áreas de influência e compromete-se a integrá-los em sua estratégia, cultura e métodos operacionais.

Para saber mais, consulte: